A cidade de Valença é o centro de um município com 1.190,38 km² de área e uma população de 89.597 habitantes (IBGE/2010), é o maior município da região chamada de "Costa do Dendê", composta pelos municípios de Cairú, Camamu, Igrapiúna, Ituberá, Maraú, Nilo Peçanha, Taperoá e Valença. Essa microrregião além do tradicional cultivo do dendezeiro (Elaeis guineensis Jacq.), produz borracha, com áreas de cultivo de seringueiras (Evea brasiliensis Cham), cravo da índia (Syzygium aromatico (L.) Merril e Perry), piaçava (Attalea Humb.), cacau (Theobroma cacao L.), criação extensiva de gado, maricultura, especialmente o cultivo de camarão, extrativismo de produtos provenientes de ambientes estuarinos e dos manguezais, além da agricultura de subsistência e de belas praias de reconhecida beleza cênica o que movimentam um fluxo e aptidão para o turismo, capitaneada belas praias de Morro de São Paulo, localizadas na Ilha de Tinharé e a Baía de Camumú.

A unidade de ensino de Valença foi criada por meio da Lei 8.670, de 30 de julho de 1993. Neste cenário, o IFBA/Valença é a única Instituição pública da região que oferece ampla formação em nível técnico e tecnológico, sendo a outra o IFBaiano/Valença, antiga EMARC, recentemente incluída na rede dos Institutos Federais (IFs). Inaugurada em dezembro de 1994, sob o nome de “Escola de Pesca”, só conseguiu colocar em funcionamento suas primeiras turmas de ensino técnico em 1996 e desde então vêm se modernizando e adequando suas ofertas de curso. O crescimento do Campus Valença continuou em 2001 com a criação dos cursos de Aquicultura, Turismo e Hospitalidade e desde 2006 oferece cursos na nova modalidade “Integrada” de Informática e Turismo e posteriormente Aquicultura, em 2008, além dos cursos na modalidade PROEJA em Aquacultura, Turismo e Hospedagem e Informática, dos cursos na modalidade Subsequente em Informática e Aquacultura e turmas residuais na já extinta modalidade “Ensino Médio”.

O IFBA Campus Valença se insere no âmbito das políticas públicas em Educação que ora são implementadas no País. O Instituto tem a incumbência de solucionar distorções locais na oferta de profissionais na Educação Básica e no ensino fundamental, sanando problemas provenientes da ausência de formação em nível superior de ensino, principalmente no âmbito das Licenciaturas.

Galeria de Fotos

Campanha #ZikaZero
Instalações do campus Valença
Cerimônia de formatura do Curso Profuncinário
Formatura de Robson Barreto.
Defesa de Mestrado de Patrícia.